MachineCast #81 – Fotografias

Saudações amigos ouvintes, modelos de selfies e colecionadores de fotografias!

Mais uma incrível viagem da Velha Máquina começando, e dessa vez ao melhor estilo Efeito Borboleta! Que tal viajar no tempo, de volta aos gloriosos tempos dourados das fotografias em filme?

Juntando-se aos Machines nessa viagem a nossa querida Fabi, do Portal Cultura Nerd e Geek. Venha relembrar das emoções de se usar um filme fotográfico, a agonia de aguardar a revelação das fotos, os modelos de câmeras mais malucos possíveis e claro, as velhas histórias recheadas de muito bom humor e nostalgia que são a marca registrada da Velha Máquina!

Participe com os Machines de mais uma incrível viagem! Mande um e-mail com suas fotos antigas, suas experiências fotográficas, e revele todas essas histórias que não merecem ficar guardadas no negativo!

DIGAM XIS! XIIIIIISSS!!!!

 


Player e Download:

Quer Zipar seu MP3? Copie o link e cole [AQUI]


Equipe:

 

 

 

 


Convidada:

 

 

 

 

http://culturanerdegeek.com.br/podcasts/alias/


Mencionados no Episódio:


E-Mail – contato@machinecast.com.br

Twitter – @machine_cast

Facebook – facebook.com.br/machinecast

Alvanista – @machinecast

Google+ – https://plus.google.com/MachinecastBrasil

Canal no YouTube – MachineTube

Telegram – Machines (Integrantes e Ouvintes)

Comente pelo FaceBook

comentarios usando FaceBook

  • Fabiana Murray

    Obrigada por me chamarem, mesmo que tenha sido de última hora. Adorei gravar o tema, e adorei as fotos usadas na vitrine. Foi um baita flashback de só 17 anos aquela foto. Beijos.

  • Rafael Heleno De C Barbosa

    O brinde para quem mandar email ou comentar devia ser uma foto autografada !

  • Darley Santos

    Compartilho a ideia de que parte da magia se foi com a chegada das câmeras digitais, inclusive a qualidade um tanto diferenciada das imagens das analógicas… Ter que levar o rolinho de filme pra revelar e só então obter as fotos, é o tipo de coisa que marca mesmo. Parece que as tecnologias modernas facilitam umas coisas mas nos furtam outras… Pra você vê, hoje tenho um smartphone e com ele posso sair tirando foto a qualquer momento em qualquer lugar, fazendo registros visuais valiosíssimos, mas ao mesmo tempo, nem gosto da ideia de ter que imprimir essas imagens… Fico olhando até hoje os álbuns de fotos da família (uns 8 ou 12), contendo registros de infância e adolescência com a família e amigos, tudo revelado naquele papel próprio pra fotografias. Alguém aí guarda as fotos em álbuns?